Fale connosco
English

Engenheiro(a) - RH CT ENERGIA 16/2021

Enviar Candidatura até 16-04-2021 Candidate-se

O INEGI - Instituto de Ciência e Inovação em Engenharia Mecânica e Engenharia Industrial abre concurso para a contratação de Mestre em Engenharia no âmbito do projeto de investigação EMB3Rs financiado pelo Programa Europeu H2020, contrato nº 847121, que visa explorar soluções de aproveitamento de calor e frio industrial em excesso em sistemas intra-e intersectoriais (www.emb3rs.eu). Com uma duração de 3 anos, o projeto visa desenvolver uma ferramenta que permita encontrar as soluções com melhor custo-benefício de recuperação e utilização de calor e frio em excesso identificando dadores e utilizadores compatíveis e geograficamente próximos. O projeto, coordenado pelo INEGI, tem 16 parceiros de 7 países Europeus e 7 casos de estudo de aplicação em Portugal, Grécia, Suécia, Reino Unido e Dinamarca.

Refª do concurso: RH CT ENERGIA 16/2021

Engenheiro(a)

A função inclui:                                                                                     

·   Executar, com proatividade e autonomia, atividades previstas no projeto, nomeadamente:

        o   Construção de uma base de dados das tecnologias de aproveitamento e utilização de calor em excesso;

        o   Diagnóstico energético e mapeamento de fluxos de energia térmica nos setores indústrias com elevado consumo energético;

        o   Apoio no desenvolvimento de algoritmos e programação de módulos de otimização e gestão da energia térmica na indústria;

        o   Apoio ao desenvolvimento de sistemas de armazenamento térmico.

·    Participar na conceção de projetos de inovação e investigação na área da utilização energética e descarbonização da indústria.

Perfil do Candidato:

·    Mestre em engenharia Mecânica, Química ou áreas afins.

São condições preferenciais para a avaliação dos candidatos as seguintes competências:    

·    Conhecimentos de térmica dos processos industriais;

·    Conhecimentos de sistemas de recuperação de calor e simbiose industrial e intersetorial;

·    Conhecimentos de Programação, de preferência em Python;

·    Conhecimentos de software de simulação e de otimização de processos térmicos industriais;

·    Forte orientação para objetivos;

·    Capacidade de comunicação abrangente nos domínios técnico e relacional;

·    Forte orientação para o trabalho em equipa multidisciplinar;

·    Línguas Portuguesa e Inglesa: nível muito bom (falado e escrito).

Proporcionamos:

·    Contrato de trabalho.

·    Integração numa Instituição de referência na área da Investigação, Inovação e Transferência de Tecnologia.

·    Condições salariais ajustadas ao perfil e ao potencial demonstrado.


As manifestações de interesse deverão ser encaminhadas entre 05 e 16 de abril de 2021 através da

página oficial do INEGI www.inegi.pt em Junte-se a nós | Posições Abertas premindo "Candidate-se” em

Engenheiro M/F - RH CT ENERGIA 16/2021 ou por correio:

INEGI – Instituto de Ciência e Inovação em Engenharia Mecânica e Engenharia Industrial
Serviços de Recursos Humanos
Rua Dr. Roberto Frias, 400
4200-465 Porto - Portugal

A não conformidade com estes requisitos determinará a rejeição imediata da candidatura.


Falsas declarações fornecidas pelos candidatos conduzirão à rejeição da candidatura.

Os resultados do processo de seleção serão divulgados através do portal: http://www.inegi.pt

Após a publicação dos resultados, os candidatos têm 10 dias úteis para se pronunciarem.

Política de não discriminação e igualdade de acesso:

O INEGI promove uma politica de não discriminação e de igualdade de acesso, pelo que nenhum candidato(a) pode ser privilegiado(a), beneficiado(a), prejudicado(a) ou provado(a) de qualquer direito ou isento(a) de qualquer dever em razão, nomeadamente, de ascendência, idade, sexo, orientação sexual, estado civil, situação familiar, situação económica, instrução, origem ou condição social, património genético, capacidade de trabalho reduzida, deficiência, doença crónica, nacionalidade, origem étnica ou raça, território de origem, língua, religião, convicções políticas ou ideológicas e filiação sindical.

De acordo com o Decreto-Lei nº 29/2001, de 3 de fevereiro, os candidatos com deficiência devem ser preferidos numa situação de igual classificação, e essa preferência substitui quaisquer preferências legais. Os candidatos devem declarar, por sua honra, o respetivo grau de deficiência, o tipo de deficiência e os meios de comunicação / expressão a serem utilizados durante o processo de candidatura.

                               

Candidate-se